8 de abril de 2018

Polvo - Ensaio de quadriculografia

Estado: Activa

A Polvo é uma chancela editorial de Rui Brito, edições e sucede às Edições Polvo, Lda., fundada em 1997 por Rui Brito, Jorge Deodato e Pedro Brito. Especializada em Banda Desenhada, conta no seu catálogo com alguns dos mais importantes e representativos autores portugueses da área sendo a editora nacional que mais espaço a eles dedica.

Séries publicadas:
Anos Spoutnik (Os)Cidade dos Maus Sonhos (A), Compadres (Os), Há piores, Isaac o pirata, Júnior João e Gão, Lou Velvet, Loverboy, Madoka Machina, Maria, Persépolis, Tex

One-shots publicados:

  • 16>1, Filipe Abranches [1998]
  • Pano Cru, Pedro Brito [1998]
  • 4 peças para Octávio Framboa, Lazare Katsimbalis [1998]
  • Um sorriso... no ar!, Carlos Rico [1998]
  • Dédalo, Miguel Rocha [1999]
  • Amor fatal, Marcel Ruijters [1999]
  • Fúria, Derradé [1999]
  • Na pele do urso, Horácio [1999]
  • Alô?, Filipe Abranches [1999]
  • Entorpecidos pelo frio, Maria Bjorklund [1999]
  • Pano cru 2, Pedro Brito [2001]
  • Eduarda, Miguel Rocha [2000]
  • Magic boy, James Kochalka [2000]
  • Fava, Derradé [2000]
  • História muda, Blanquet [2000]
  • Os anjos, Jakob Klemensic [2000]
  • A semana passada, Matias Lehmann [2000]
  • Yaylalar, Alain Corbel [2000]
  • Batatas, Matias Lehmann [2000]
  • O ano em que fomos campeões mundiais, Andreas Dierssen [2000]
  • Que podemos fazer, Felipe Hernández Cava [2000]
  • Varlot soldado, Jacques Tardi e Didier Daeninckx [2001]
  • O diário de K., Filipe Abranches [2001]
  • O pequeno Christian, Blutch [2001]
  • Magic boy 2, James Kochalka [2001]
  • Pano Cru 3, Pedro Brito [2001]
  • Trogloditas, Marcel Ruijters [2001]
  • Explicar tudo, Alex Baladi [2001]
  • Magic boy 3, James Kochalka [2001]
  • Pai Natal, um estudo morfológico, Geral e Derradé [2001]
  • Franco, o trolha, Pedro Brito [2001]
  • A 25, sempre a Abril, Geral e Derradé [2001]
  • Pat Boon: Happy End, Winshluss [2001]
  • Tu és a mulher da minha vida, João Fazenda e Pedro Brito [2001]
  • Coração do bandido, Rui Ricardo e Paulo Patrício [2001]
  • Malitska, Miguel Rocha e Francisco Oliveira [2001]
  • A filha do caranguejo, Rui Lacas [2001]
  • Que é feito do meu Natal, Rui Lacas [2002]
  • Beraca, Pedro Brito e Sandra Amaro [2002]
  • Em lume brando, André Carrilho [2002]
  • A primeira estrela e outras histórias, Ulf K. [2002]
  • A vida numa colher, Miguel Rocha [2003]
  • A máquina de prever o futuro de José Frotz,  José Carlos Fernandes [2003]
  • O capuchinho vermelho na versão que as crianças mais gostam, Richard Câmara [2003]
  • Borda d'água - O tempo das papoilas, Miguel Rocha [2005]
  • Em toda a parte, Alex Baladi [2006]
  • Solo, Filipe Abranches [2006]
  • Hans, o cavalo inteligente, Miguel Rocha [2010]
  • O amor infinito que te tenho, Paulo Monteiro [2010]
  • A ermida, Rui Lacas [2011]
  • Hãn Solo, Rui Lacas [2012]
  • Três Sombras, Cyril Pedrosa [2012]
  • Rosa delta sem saída, Fernando Relvas [2013]
  • Morro da favela, André Diniz [2013]
  • Ar puro e água fresca, Pero [2013]
  • Duas luas, Pablo Mayer e André Diniz [2013]
  • Comic Transfer, Ricardo Cabral e Till Lassman [2013]
  • Jim Curioso - Viagem ao coração do oceano, Mathias Picard [2014]
  • Cachalote, Rafael Coutinho e Daniel Galera [2014]
  • Deixa-me entrar, Joana Afonso [2014]
  • 7 vidas - Diário de vidas passadas, António Eder e André Diniz [2014]
  • Cidade suspensa, Penin Loureiro [2014]*
  • Copacabana, Bernardi Odyr e Lobo [2014]
  • Matiné, Magno Costa e Marcelo Costa [2014]
  • O diabo e eu, Alcimar Frazão [2015]
  • Tormenta, João Sequeira e André Oliveira [2015]
  • Milagreiro, colectivo [2015]
  • Tungsténio, Marcelo Quintanilha [2015]
  • Talco de vidro, Marcelo Quintanilha [2015]
  • Que Deus te abandone, Tainan Rocha e André Diniz [2015]
  • Volta - O segredo do vale das sombras, André Caetano e André Oliveira [2015]
  • Cumbe, Marcelo D'Salete [2015]
  • O pugilista - A história real de Hertzko Haft, Reinhard Kleist [2015]
  • Coisas de adornar paredes, José Aguiar [2016]
  • Klaus, Felipe Nunes [2016]
  • Guadalupe, Odyr Bernard e Angélica Freitas [2016]
  • Hinário nacional, Marcelo Quintanilha [2016]
  • A demanda do G, Derradé e Geral [2016]
  • Fealdade de Fabiano Gorila, Marcelo Quintanilha [2016]
  • Olimpo tropical, Laudo Ferreira e André Diniz [2017]
  • O ateneu, Marcelo Quintanilha [2017]
  • Nem todos os cactos têm picos, Mosi [2017]
  • O rio salgado, Jan Bauer [2017]
  • Mensur, Rafael Coutinho [2017]
  • Lugar maldito, João Sequeira e André Oliveira [2017]
  • Fim do mundo, André Ducci [2017]
  • Conversas com os putos, Álvaro [2017] 
  • Cicatriz, Sofia Neto [2018]
  • Malditos amigos, André Diniz [2018]
  • Os regressos, Pedro Moura e Marta Teives [2018] 
  • Portais, Pietro Antogioni e Octávio Cariello [2018]
  • O maestro, o cuco e a lenda, Wagner William [2018]
  • Zahna, Joana Afonso [2018]
  • Angola Janga, Marcelo D'Salete [2018]
  • Maria e Salazar, Robin Walter [2018]
  • Luzes de Niterói, Marcelo Quintanilha [2018]
*existe uma versão em inglês
[actualizado a 1-10-2018]

Sem comentários:

Enviar um comentário